Skip directly to content

Cúrcuma para escovar o dente? Dentistas explicam por que não

22/07/2015

Bela Gil é nutricionista, famosa pelo seu programa de culinária saudável, pela lancheira natureba de sua filha e por indicar produtos naturais em vez dos industrializados. Depois de dar a receita de um desodorante caseiro feito com leite de magnésio, foi a vez de entrar em uma cruzada com a classe odontológica. Tudo por conta de um post em que indica a cúrcuma como substituta da pasta de dente.

Há sempre os fãs que defendem Bela, mas cirurgiões-dentistas não deixaram de superlotar os comentários do post defendendo o uso de cremes dentais e pedindo para a nutricionista se limitar aos seus conhecimentos culinários.

“Não existe trabalho científico comprovando que a cúrcuma é ideal para escovar os dentes. Por mais conhecimento que ela tenha sobre culinária, não tem sobre saúde bucal. Fazer uma afirmação dessa sem fundamento cientifico é uma irresponsabilidade”, diz Giuseppe Romito, professor da Faculdade de Odontologia da USP.

Diga sim ao uso da pasta dental
Segundo o professor, o flúor foi o maior avanço da odontologia em relação à prevenção da cárie dentária no mundo, inclusive no Brasil. “Até nossa rede de abastecimento acrescenta flúor em nossa rede de água para ajudar no combate à cárie”, afirma Romito.

O professor garante que todos as substâncias que compõe a fórmula dos cremes dentais disponíveis no mercado são seguras para o uso do consumidor. “Todos esses ingredientes têm décadas de pesquisas científicas e de aprovação nos órgãos reguladores brasileiros, americanos e europeus”, diz.

Dez motivos escovar dente com pasta 
Para acabar com a dúvida, o professor Vinicius Pedrazzi, da Faculdade de Odontologia da USP de Ribeirão Preto, elenca 10 motivos para optar pela pasta de dente.

1. A composição do creme dental contém 50% de agente abrasivo, que removem películas mais aderidas e fazem o polimento da superfície para evitar a adesão do biofilme. 
2. Contém detergente para quebrar a gordura dos restos de comida em cadeias menores para serem removidas. 
3. Contém flúor, que remineraliza os dentes, tornando-os mais fortes e prevenindo as cáries. 
4. Tem agentes “espessantes”, que fazem espuma e dão corpo à pasta para mantê-la agindo por mais tempo nos dentes. 
5. Tem sabor agradável, o que aumenta a adesão da população a esse item indispensável para a saúde bucal. 
6. Contém agentes que previnem placas e tártaro. 
7. Contém flúor que previne cárie em crianças e adolescentes. 
8. A tendência depois dos 30 é ter mais doença periodontal que cárie, e a pasta de dente é formulada para a saúde bucal em geral. 
9. Sua eficácia é comprovada cientificamente. 
10. Existem no mercado cremes dentais para problemas específicos que devem ser recomendados por cirurgiões-dentistas.

Fonte: Agência Beta